Trabalhadoras Domésticas cobram, em Congresso, ratificação da Convenção da OIT pelo Trabalho Decente

Ao final do 11º Congresso Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras Domésticas, ontem (26), no Rio de janeiro, a baiana Creuza Oliveira foi eleita secretária geral da entidade. A presidência será exercida pela recifense Luiza Batista. O encontro teve a presença de representantes de outros países e teve como tema“Ratificar a Convenção 189 é igualar direitos!”. Com relação ao tema do congresso, a convenção nº 189 da OIT estabelece critérios de proteção específica para trabalhadores e trabalhadoras domésticas e exige dos Estados-Membros da OIT medidas para tornar o trabalho decente uma realidade para esta categoria. “Vinte e dois países já ratificaram a Convenção 189 e o Brasil ainda não ratificou. A presidenta Dilma Rousseff tinha encaminhado ao Congresso Nacional a ratificação”, diz Creuza. Agora, a ratificação depende do Congresso Nacional.

Estiveram presentes, também, representantes sindicais e de entidades de defesa dos direitos das mulheres. Durante o congresso, houve um ato em defesa da democracia, na Candelária, e as congressistas participaram. Além disso, houve apresentação do grupo Só Damas e finalizando as atividades culturais, uma grande visita ao ensaio da G.R.E.S. Salgueiro.

 

DIRETORIA COLEGIADA:

Presidenta: LUIZA BATISTA PEREIRA
Secretária Geral: CREUZA MARIA OLIVEIRA
Tesoureiro: FRANCISCO XAVIER DE SANTANA
Secretária de Articulação Regional: MARIA NOELI DOS SANTOS
Secretária de Organização: JANE APARECIDA DA SILVA DE SOUZA
Secretária de formação Sindical: CLEIDE SILVA PEREIRA PINTO
Secretária de Políticas para as Mulheres: MARIA ISABEL CASTRO COSTA
Suplentes: QUITÉRIA DA SILVA SANTOS, ANA MARIA NASCIMENTO DA SILVA e JORGINA DOS SANTOS

CONSELHO FISCAL

Titulares: ERNESTINA DOS SANTOS PEREIRA, CHIRLENE DOS SANTOS BRITO e VALDELICE DE JESUS ALMEIDA
Suplente: MARIA FERREIRA LIMA